Visualizações

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Capítulo 3 - A mala ou não a mala? Eis a questão!





“A mala ou não a mala? Eis a questão!” Parece brincadeira de criança, mas este questionamento é muito importante e procedente! Quem foi que disse que as viagens são feitas apenas e tão-somente a lugares? Nossa Jornada começa a partir do momento em que pensamos na possibilidade de realizar uma viagem. E, desde então, nos deparamos com as mais variadas situações. Dentre as decisões a serem adotadas está uma aparentemente supérflua, porém com certo grau de dificuldade: decidir qual mala escolher. Dependendo da escolha (se errada ou inapropriada), a viagem poderá se tornar uma verdadeira MALA, sem alças e sem rodinhas! A escolha correta de tal acessório proporcionará uma viagem muito mais agradável. Para isso, é preciso ter em mente as reais necessidades do futuro evento e escolher de forma racional o que irá levar.




Hoje há uma oferta bem diversificada de produtos, com muitos modelos e tamanhos de malas, os quais poderão facilmente se ajustar a qualquer ocasião e a todos os bolsos. Afinal, seja em uma viagem de férias, de negócios ou de aventura, ninguém gosta de sair por ai carregando peso desnecessário ou objetos incômodos. Além de escolher o modelo certo de equipaje, é importante ainda que essa escolha recaia sobre um produto de boa qualidade – Cuidado! Muitas vezes o barato pode sair caro! Não esqueça que investir um pouco mais e ter uma bagagem com uma vida útil maior - que suporte firmemente o tratamento rigoroso dos portos, aeroportos, rodoviárias e ferroviárias, pode ser sinônimo de comodidade, segurança e menos dor de cabeça!





Estabelecidas as prioridades, pergunta-se: qual o melhor tamanho de mala? Quais são as qualidades que deverão ser observadas nos produtos que desejamos adquirir? Na verdade, não existe uma regra básica sobre isso. Não obstante, é preciso ter o discernimento de que a mala escolhida deve ter espaço suficiente para levar tudo aquilo que você vai precisar (verdadeiramente!), e que seja, de preferência, a menor e mais leve possível. Malas grandes e volumosas são recomendadas apenas no retorno para casa! Não gastem munição!. 




Na hora da escolha, verifiquem se as malas possuem recursos que permitem aumentá-la de tamanho (expansibilidade); apresentam bolsões internos (ajudam na organização) e externos (mantém os objetos de uso imediato sempre à mão); permitem o uso de cadeados e de etiquetas de identificação (proporcionam segurança e dificultam o extravio). Uma dica importante: procure usar malas coloridas ou diferentes (tornam o objeto mais visível e fácil de localizar). Todavia, se preferirem malas mais discretas, procurem personalizá-las com algo diferente, como fitas coloridas, adesivos decorativos e correias externas.





Dentre os modelos de malas disponíveis no mercado destacamos: malas tipo sacola de tecido ou nylon- apresentam superfície adaptável que favorece a sua inclusão em espaços pequenos e apertados;malas expansíveis –  são dotadas com compartimentos expansíveis fechados em zíper que possibilitam aumentar o tamanho e armazenar muito mais coisas; malas Rígidas - têm estrutura que dificulta o amassamento das roupas (boa opção para viagens a trabalho). 




As com quatro ou mais rodinhas e que giram em 360º são as melhores, tornam o manuseio mais fácil e prático; malas de couro – são sofisticadas, clássicas e elegantes, além de serem de boa conservação; mochilas - para viagens rápidas e trechos mais curtos, possuem bom espaço e dão maior segurança, já que podem carregá-las com vocês de forma confortável e prática.





Por fim, diria que, independentemente da escolha a ser feita, para evitar aborrecimentos, principalmente nas viagens longas, levem consigo, na bolsa de mão, uma roupa e objetos de uso pessoal, pois atrasos ou perdas de bagagens são comuns e podem gerar situações indesejadas. 




Lembrem-se: a viagem deve ser agradável em todos os sentidos, inclusive no instante em que começamos a fazer as malas. Portanto, levem só o necessário, ou melhor, só aquilo que conseguirem arrastar! Divirtam-se! Fuui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário